Discursos

08/08/2013

23/10 – Rebate às críticas de Chalita

O SR. FLORIANO PESARO (PSDB) – Sr. Presidente, vejo-me obrigado a voltar neste microfone, porque o nobre Vereador Gabriel Chalita foi deselegante e faltou com a ética, quando disse que tenho chefe. Não tenho. Nesta Casa, neste Parlamento, tenho um Líder do meu partido, o nobre Vereador Carlos Alberto Bezerra Jr., assim como V.Exa. também tem Líder, que veio a este microfone justificar ou comentar a ação do PSDB em relação ao seu mandato.
O Sr. Líder do partido que lhe deu o microfone para falar, Sr. Gabriel, não lhe deu o mandato, porque quem lhe deu o mandato foi o PSDB, mas lhe deu o microfone.

O SR. FLORIANO PESARO (PSDB) - Não, não, mas pelo PSDB, pela legenda do PSDB, que V.Exa…

O SR. AGNALDO TIMÓTEO (PR) - Eu quero me manifestar, Sr. Presidente.

O SR. FLORIANO PESARO (PSDB) - Eu estou falando, por favor, peço respeito.

O SR. FLORIANO PESARO (PSDB) - Nobre Vereador Gabriel Chalita, V.Exa. também faltou com a ética, com o respeito e com a elegância que V.Exa. diz ter, quando, com um mandato do PSDB, inicia uma crítica veemente ao partido. É aí, é nesse momento que o partido se sente no direito, a despeito de toda a legislação federal e das resoluções do Tribunal Superior Eleitoral, de que o mandato é do partido. E não me venham aqui falar do comportamento dos demais partidos. E não cabe ao PSDB pedir o mandato dos Srs. Parlamentares que ingressaram no PSDB, especialmente Parlamentares do nível do Sr. Senador Flávio Arns, que não aguentou mais o PT.
Ao criticar o PSDB com um mandato do partido, o nobre Vereador Gabriel Chalita falta com a ética e é por isso que S.Exa. deve sair do Partido e é porque S.Exa. já saiu do partido que deve entregar o mandato que pertence ao partido. Não tem nada a ver com o Sr. Governador José Serra, assim como não tem nada a ver, na realidade, a saída do Sr. Gabriel Chalita por conta do Sr. Governador José Serra. Isso é uma forma política de se justificar.
O Sr. Vereador Gabriel Chalita, na primeira entrevista – talvez não estivesse tão preparado do ponto de vista de seu argumento, do motivo de sua saída -, deixou claro esse motivo: “Eu quero sair para ser candidato ao Senado e não sei se conseguirei no PSDB”, porque o PSDB respeita suas lideranças nacionais e há evidentemente o que se chama de uma fila política, que deve ser respeitada pelos mais novos também. E o Sr. Vereador Gabriel Chalita, ao não respeitar, muda de partido. E digo mais, vai faltar de novo com a ética ao trair seus eleitores, como vem afirmando que sairá candidato ao Senado pelo PSB, renunciando ao mandato de Vereador.
Ora! Se vai renunciar ao mandato Vereador, que o entregue ao PSDB.

O SR. FLORIANO PESARO (PSDB) - Tenho escutado meus colegas da Oposição, do PT e do PC do B, e S.Exas. me impressionam, porque o que o PT e o PC do B fizeram, quando o Sr. Gabriel Chalita era Secretário de Educação – eu era Secretário-Adjunto da Casa Civil do Governo do Estado -, contra a gestão de S.Exa. na Educação foi uma barbaridade: a quantidade de CPIs que o PT propôs na Assembléia contra o Sr. Secretário Gabriel Chalita; a quantidade de requerimentos. Estava lá o Sr. Vereador Souza Santos, que defendeu o Sr. Secretário do PSDB Gabriel Chalita. O que o PT e o PC do B fizeram com o Sr. Secretário Gabriel Chalita foi um absurdo. E me admira agora que o PC do B e o PT, sempre atrasados, venham reconhecer o que foi a gestão do Sr. Governador Geraldo Alckmin à frente da Educação.
Eram essas minhas palavras, Sr. Presidente.