Noticias

14/01/2013

Ophir Cavalcante: cidadão paulistano

O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ophir Cavalcante, recebeu no dia 11 de dezembro o título de cidadão paulistano, concedido durante sessão solene da Câmara Municipal de São Paulo, realizada na sede da Seccional paulista da OAB. O vereador Floriano Pesaro, proponente do título ao presidente nacional da OAB, conduziu a sessão solene. Floriano destacou a atuação de Ophir Cavalcante e as desenvolvidas pela OAB para a garantia dos direitos humanos, em respeito à cidadania e ao Estado Democrático de Direito, além da busca pela boa aplicação da Justiça.
“Ophir tem incentivado os Estados brasileiros a respeitarem e aplicarem essa lei nas contratações e preenchimento de cargos, tendo mobilizado as 27 Seccionais da entidade para que defendam a sua aplicação, atitude com a qual a Câmara Municipal paulista concorda integralmente”, afirmou o vereador Floriano.
Ao receber a homenagem, Ophir a classificou como o coroamento de uma caminhada, de uma construção diária empenhada pela OAB em prol de uma advocacia forte, de uma Justiça mais acessível e de uma cidadania mais próxima da ideal neste país. “Conceder esse título a Ophir é um gesto de reconhecimento não só ao desenvolvimento de políticas relevantes para a cidade e ao país. É forma de fomentar o ideal que nos une: a vontade de mudar, de agir com transparência e de caminhar juntos em direção a um único objetivo: termos uma sociedade mais próxima de um mundo livre de discriminações e de injustiças.”
Estiveram presentes à sessão, ainda, a secretária-geral adjunta da OAB-SP, Clemência Wolthers; o diretor-tesoureiro da OAB-SP, José Maria Dias Neto; o presidente do Conselho de Previdência da Carteira dos Advogados do Ipesp e conselheiro federal eleito por São Paulo, Marcio Kayatt; o vice-presidente da Associação dos Advogados de São Paulo, Sérgio Rosenthal; além dos renomados juristas e medalhas Rui Barbosa da OAB, Fábio Konder Comparato e José Afonso da Silva. Familiares de Ophir também prestigiaram a solenidade.