Noticias

17/09/2014

SITE CÂMARA- Salva de Prata celebra 20 anos de fundação da Casa do Zezinho

SS_20_ANOS_CASA_DO_ZEZINHO_-17-09-2014-ANDRE_BUENO-5493-72ABRE
Empresários, personalidades e empresas parceiras também foram homenageadas na Sessão Solene    Foto: André Bueno / CMSP

JELDEAN SILVEIRA
DA REDAÇÃO

Em comemoração aos 20 anos de trabalho de inclusão social na cidade de São Paulo, a Associação Educacional e Assistencial Casa do Zezinho recebeu a Salva de Prata da Câmara Municipal em  Sessão Solene realizada na noite desta quarta-feira (17/9). Empresários, personalidades e empresas parceiras da instituição também foram homenageadas.

A Casa do Zezinho foi fundada em 1994, no Parque Maria Helena na zona sul de São Paulo, pelas mãos de Tia Dag (Dagmar Rivieri Garroux), que viu a necessidade de um espaço que acolhesse adolescentes em situação vulnerável.

O atendimento, que começou com sete crianças, hoje auxilia cerca de 1.200 jovens de baixa renda entre 6 e 29 anos. A Associação conta com diversos projetos — como Aprender Brincando, Educação de Jovens para o século XXI, Web 2.0, Gastronomia,  Caminho da Transformação, entre outros — tornando-se um espaço de oportunidades e desenvolvimento para crianças e jovens. Mais de 15 mil crianças já passaram pela Casa do Zezinho.

Tia Dag resaltou o orgulho de ter construído e de trabalhar até hoje na associação. “É uma vida dedicada a esse sonho. Muitos falam em missão, mas eu acredito no gostar. Eu gosto do que faço. Ninguém tem o privilégio de ganhar mil beijos por dia como eu”, afirmou.

O vereador Floriano Pesaro (PSDB), propositor da solenidade, destacou a importância de homenagear iniciativas como as da ONG. “Hoje é o dia em que a Câmara se curva aos 20 anos da Casa do Zezinho. É nosso agradecimento a um excelente trabalho realizado em uma das regiões mais difíceis da cidade”, disse. “Nosso trabalho como vereador é transformar a vida das pessoas. Como não conseguimos fazer isso sozinho é preciso nos juntar a essa pessoas que fazem, que é o caso da Casa do Zezinho. Eu tenho um único pedido, quero que continuem sonhando, que continuem idealizando e acreditando que é possível ter uma sociedade melhor”, completou o vereador.

Foram homenageados Saulo Garroux, diretor artístico da Casa, o ator Fabiano Augusto, Dianna Rivieri Fogaça, Maria Isabel Albanese, Ana Maria Sandoval, Maria Corina Gama de Macedo, o Grupo Société Générale, a agencia AlmapBBDO, Marly Ferreira Martins dos Santos, SAS Campo Limpo, o Laboratório PFIZER e o Instituto Credit Suisse Hedging-Griffo.