Discursos

25/07/2013

20/09/2012 – Dia Mundial sem Carro

O SR. FLORIANO PESARO (PSDB) – Sr. Presidente, Sras. e Srs. Vereadores, telespectadores que assistem a esta sessão pela TV Câmara São Paulo, senhores e senhoras que visitam o Plenário 1º de Maio, teremos, mais uma vez, no mês de setembro, na cidade de São Paulo, com o apoio deste Vereador, do Presidente desta Casa e da Câmara Municipal, o Dia Mundial sem Carro.

Neste ano, o dia 22 cai num sábado, mas creio que, ainda assim, poderemos organizar nosso final de semana no sentido de vivenciar nosso lazer longe dos automóveis.
Ações estão se multiplicando por todo o Brasil, promovendo o conceito de que é possível utilizar o automóvel de maneira mais racional. Enquanto os emplacamentos superam os nascimentos, a estrutura urbana caminha a passos cursos.
É preciso maior ímpeto na elaboração e execução de melhorias para o transporte público em São Paulo e para meios não motorizados como a bicicleta, que vem ganhando espaço em nossa Cidade.
Aos poucos a sociedade paulistana se mobiliza em torno do assunto que retira tanto tempo útil de nossas vidas diariamente. Tempo em que poderíamos estar trabalhando, estudando, namorando, brincando.
O dia 22 de setembro é um dia simbólico, porque, para a grande maioria da população brasileira, todo dia é o Dia Mundial Sem Carro. Mas queremos mostrar, de forma simbólica, às pessoas, que é possível uma forma alternativa ao automóvel e que isso precisa se transformar em realidade a partir de uma nova reeducação das pessoas.
Como atuante da causa, sou proponente, com o nobre Vereador Chico Macena e outros, da Frente Parlamentar da Mobilidade Humana. Acredito que seja minha obrigação vivenciar a Cidade e seus meios de transporte de forma integral. Somente assim, poderemos, juntos, nos mobilizar e pensar na proposição de alternativas em uma cidade onde o cidadão passa, em média, três horas e meia do seu dia no trânsito
Assim como a Frente Parlamentar da Mobilidade Humana, o “Dia Mundial Sem Carro” tem como objetivo ampliar os espaços de discussão sobre o tema, abordar a mobilidade sob a ótica do planejamento urbano, da educação, da cidadania, todos promovidos pela Prefeitura do Município de São Paulo e organizações não governamentais.
Nesta sexta, dia 21/9, por exemplo, a CET realiza o Seminário Internacional Andar a Pé nas Cidades, no auditório da Fiesp. Estaremos presentes, Sr. Presidente, eu e V.Exa, já que V.Exa. é um dos principais incentivadores do uso da bicicleta como meio de transporte na Cidade de São Paulo. Teremos a presença de autoridades nacionais e especialistas estrangeiros renomados no tema. Juntos, vão debater as condições das calçadas brasileiras, as calçadas em São Paulo, consideradas ruins. Aliás, temos de tomar uma providência no sentido de assumir a responsabilidade das calçadas da nossa Cidade. Discutiremos a questão da bicicleta, dos modais, a proliferação de bicicletários, de ônibus adaptados e assim por diante.
Outra excelente noticia, é que todas as ciclofaixas de lazer, por sugestão nossa, estarão funcionando no sábado das 7hs às 16hs, em caráter excepcional. Aliás, conversei com o Sr. Secretário Marcelo Branco e S.Exa. disse que V.Exa. também havia pleiteado essa ideia de estarmos todos juntos no próximo sábado nas ciclofaixas de lazer abertas na Cidade de São Paulo, as quais vêm mudando a cultura do deslocamento e do ciclismo na Cidade de São Paulo.
Portanto, deixo aqui este recado e informação de utilidade pública: todas as Ciclofaixas da Cidade de São Paulo estarão, em caráter excepcional, abertas no próximo sábado, dia 22 de setembro, no Dia Mundial Sem Carro. São 72 km de ciclofaixas criadas pelo Sr. Prefeito José Serra e Gilberto Kassab.
Concluindo, retribuo o convite de V.Exa. para estarmos juntos no sábado de manhã na Av.Paulista inaugurando esse dia excepcional da ciclofaixa e comemorando o Dia Mundial Sem Carro.
Muito obrigado.