Artigos

12/02/2014

5/2011 – Descerramento da pedra fundamental do Museu Judaico de São Paulo

Estou aqui hoje em nome do excelentíssimo governador Geraldo Alckmin para felicitar os idealizadores de projeto tão nobre para nossa São Paulo.

O judeu conta com uma narrativa que ultrapassa três mil anos de história, e a jornada deste povo se estende desde as longínquas areias desérticas às estepes geladas deste globo.

Entretanto, com todo esse caleidoscópio geográfico, a unicidade da tradição e da memória são a identidade deste nobre povo.

Assim, o museu judaico de São Paulo nos trará a perspectiva de fragmentos ricos de uma só tradição vista sob ângulos de diversos países e culturas e, muito mais, através destas relíquias e histórias, ainda resgataremos a interessante trajetória do judeu no Brasil.

A localização deste museu também nos orgulha porque, além de honrar um edifício emblemático para a comunidade, prestigia o centro de São Paulo, reafirmando a política de revitalização do centro.

Enfim, a comunidade judaica, que tem nos brindado com luminares nas ciências, nas artes, na literatura, na economia, nos campos sociais e na benemerência, vem deixar mais uma marca indelével de sua grandeza: este museu, que poderá proporcionar uma experiência enriquecedora a milhares e milhares de pessoas sobre a herança cultural de um dos povos mais antigos de nossa civilização.

Hag Tsameah
Mazal Tov

Floriano Pesaro Vereador

Confira carta de Geraldo Alckmin