Discursos

06/08/2013

08/09/2010 – Caminhões atravancam avenidas

O SR. FLORIANO PESARO (PSDB) - Sr. Presidente, caros colegas, amigos que nos assistem pela TV Câmara São Paulo, quero aproveitar os cinco minutos a que tenho direito no Pequeno Expediente para relatar algo importante que está acontecendo na cidade.

Espero que as autoridades competentes, especialmente as do sistema viário, se deem conta logo e trabalhem na direção de solucionar o grave problema que está sendo criado no Morumbi, especialmente na região da Avenida Giovanni Gronchi – região do nobre Vereador Aurélio Miguel, do nobre Vereador Antonio Carlos Rodrigues e minha também: o desvio que os caminhões, inclusive os mais pesados, estão fazendo para dentro do bairro a partir da proibição do tráfego na Avenida Bandeirantes e das multas a que estão sujeitos esses caminhões.

Proibidos desde o último dia 2 de circular pela Marginal Pinheiros e pelas avenidas dos Bandeirantes, Jornalista Roberto Marinho e Afonso Taunay desde o último dia 2 de setembro, das 5h da manhã às 9h da noite, os motoristas passaram, então, a usar, Sr. Presidente, rotas alternativas como as avenidas Giovanni Gronchi e Doutor Guilherme Dumont Villares, especialmente essas. Evidentemente, que as duas não têm condições de receber o tráfego pesado, nós já sabemos disso, imaginem a CET: devem saber também.

Há muito tempo essas vias já são insuficientes para suportar o volume normal de automóveis e ônibus que ali trafegam. Nos muitos aclives, hoje, as carretas circulam em baixa velocidade, piorando, sobremaneira, os congestionamentos.

Aliás, passei por lá na última segunda-feira e pude verificar in loco a barbaridade que está acontecendo ali, na região do Morumbi, por conta do desvio das carretas e dos ônibus para dentro do bairro. Nos declives, os veículos pesados ganham velocidade muito acima do permitido, ameaçando veículos e pedestres.

Em abril, quando o trecho Sul do Rodoanel foi inaugurado, o Prefeito Kassab avisou que as restrições ao tráfego pesado aumentariam na capital, o que é uma boa notícia para todos os paulistanos. Não queremos, de fato, caminhões circulando por dentro da cidade, ainda mais os caminhões grandes que não vêm para São Paulo, mas passam por São Paulo, pois é uma ligação da região Norte do Brasil com o Porto de Santos. E o Prefeito Kassab, nesse ponto de vista, está absolutamente correto. O anel rodoviário deveria atender a todos os caminhoneiros que atravessam a cidade, rumo ao Porto de Santos e outros destinos.

Dois meses depois, o Prefeito Kassab cumpriu a sua promessa de ampliar o plano de organização da circulação dos caminhões, iniciado em 2008, quando os veículos pesados foram proibidos de rodar pelo chamado centro expandido da Capital, entre 5h da manhã e 9h da noite.

Apoiamos essa medida como absolutamente correta do Prefeito Kassab e do Governador à época, que, após ter inaugurado o Rodoanel, concluía que não havia mais necessidade de os caminhões passarem por dentro da cidade. E para atender justamente essa demanda, foram instituídos então, estimulados, os Veículos Urbanos de Carga – os chamados VUCs, liberados para circular, obedecendo apenas o rodízio das placas que vale para todo mundo.

Ao proibir o tráfego de veículos pesados na Marginal, nas avenidas Bandeirantes, Roberto Marinho e Afonso Taunay, era intenção da Prefeitura obrigar os caminhoneiros a passarem por fora de São Paulo, a usarem o semicírculo formado pelos dois trechos concluídos do Rodoanel Mário Covas: o Oeste e, o mais recente, o trecho Sul da Metrópole e a recém-inaugurada avenida Jacu-Pêssego, que liga o trecho Sul à Ayrton Senna, passando por toda a zona Leste, deixando as ruas da capital apenas para o tráfego leve. Isso é o óbvio e é isso que desejamos.

Sr. Presidente, faço aqui parte do meu pronunciamento e encaminho, por escrito, o restante por considerar absolutamente urgente as medidas que visem sanear ao grave problema que está sendo ocasionado neste momento na região Sul de São Paulo, região onde atuo, também os nobres Vereadores Aurélio Miguel, o Presidente Antonio Carlos Rodrigues, Goulart e tantos outros Vereadores preocupados com a circulação de caminhões por dentro dos bairros da nossa querida zona Sul de São Paulo.

Muito obrigado.